E agora, qual é o meu visto?

Nos últimos tempos, a Irlanda tem sido muito procurada por intercambistas devido ser um país com maior facilidade para tirar o visto e por ter menos burocracias em relação a outros países.
Para entrar na Ilha Esmeralda não é preciso fazer nenhum tipo de entrevista no Brasil, precisamos apenas ter a passagem de volta em mãos, seguro de viagem (governamental ou privado… nós temos os dois), comprovação dos 3.000 (pode ser extrato bancário ou do cartão ou comprovante da receita federal do Brasil. LINK  , carta da escola onde irá estudar (com carga minima semanal de 15h), comprovação do local onde você ficará hospedado (residencia estudantil, hotel, hostel…) e é claro, o passaporte.
img_2850.jpg
Antes mesmo de você sair do Brasil, te aconselhamos a fazer seu agendamento do IRP (o novo GNIB) por este site LINK
O agendamento é bem difícil de ser feito, o site é ruim e nem sempre tem vagas disponíveis  Mas não desanima não, tenta até conseguir, que uma hora da certo rs
Mas fica a dica, é importante MESMO você chegar na Irlanda com o agendamento em mãos, pois quanto antes seu visto sair, antes você vai poder trabalhar.
O visto que nós estudantes temos, é o STAMP 2, ele te da o direito de permanecer no país por 8 meses, podendo trabalhar por até 20h semanais nos períodos de aula e 40h entre os meses de férias da escola.
Este tipo de visto é exclusivo para alunos que se matriculam em cursos com duração minima de 25 semanas.
*Lembrando que o visto é concedido aos ESTUDANTES que FREQUENTAM as aulas. A frequência tem que ser no minimo de 85% *
Mas agora vamos falar um pouquinho sobre os tipos de visto e seus devidos processos: 
– Visto provisório: Assim que você desembarcar aqui em Dublin, você vai passar pela imigração (eles vão fazer uma série de perguntas para você, e ai que entra a parte de estar com toda documentação que falamos ai em cima em mãos), lá eles vão carimbar seu passaporte com o visto provisório de 90 dias, neste período você é OBRIGADO a tirar o visto definitivo, se não você ficara ilegal no país.
– STAMP 2: Como falamos ai em cima, este é o visto concedido para nós estudantes  de cursos com carga horária minima de 15h semanais.
Mas e ai, como é que faço para tirar esse visto?
1º Como já falamos, é necessário fazer o agendamento no site da imigração Irlandesa
2º Ter 3.000 euros comprovados através de um extrato de uma conta em um banco Irlandês, extrato de VTM ou Post Order (para fazer o post order você precisa ir até uma agencia do post office e fazer o deposito dos 3.000 , eles te darão 5 cheques de 600 para você comprovar na Imigração).
3º Comprovação de endereço, neste caso usamos a carta do seguro de saúde particular que havia nosso endereço.
4º Carta de comprovação da escola
5º Passaporte 
6º 300 euros para pagamento da taxa do visto
7º Comparecer no dia agendado com 10 min de antecedência, e com TODA documentação em mãos.
– STAMP 0: Este visto é cedido apenas para alunos de cursos de contabilidade, que da direito a estagiar por 40h semanais.
– STAMP 2A: Este visto é para alunos de cursos que não são reconhecidos aqui na Irlanda e que são de curta duração, ele ao contrario do STAMP 2, não te da o direito de trabalhar.
– STAMP 3: Esta categoria de visto te da licença de permanecia no país, mas sem a possibilidade de trabalhar
STAMP 4: *SONHO DE CONSUMO* Este visto te da direito de permanência e permissão de trabalho. Normalmente ele é concedido quando você trabalha em grandes empresas ou quando sua profissão é escassa no país.
Bom galera, estas foram nossas dicas de hoje!
Fiquem ligados que toda semana tem um tema novo do Manual do Intercambista.
Espero que tenham gostado!!! Se tiverem alguma duvida deixem aqui nos comentários ♥
fer e rafa
Anúncios

DESTINOS NADA CONVENCIONAIS PARA SE FAZER INTERCÂMBIO

Olá pessoal,

Hoje trouxemos para vocês 5 destinos nem um pouco convencionais para se fazer intercâmbio!

Listamos alguns prós e contras para ajudar vocês na hora de escolher o destino ideal ♥

 

www.rotaadois.com

Conhece mais algum destino inusitado para fazer intercâmbio? Deixe aqui nos comentários.

O Rota a Dois está também no Instagram e Pinterest!!!

 

fer e rafa

Não caia na cilada: 5 dicas para escolher sua agência de intercâmbio.

Uma das coisas mais difíceis na hora de fechar seu pacote de intercambio, é escolher uma agência.

Mil coisas passam pela nossa cabeça: será que é de confiança? será que ela vai atender todas nossas necessidades? será que não vou ser passado pra trás? será que o pacote que ela está me vendendo está em um preço justo? E por ai vai (passaria o dia todo aqui escrevendo as duvidas kkk)

E por isso, hoje trouxemos 5 dicas para te ajudar a escolher sua agência de intercâmbio.

Contamos um pouco neste post sobre a escolha de nossa agência de intercambio.

w w w . b i g c i t y l i f e um n d L o v e . c o m

Esperamos ter ajudado!

Mas se ainda ficou em duvida, deixe um comentário que faremos o possível para te ajudar .

fer e rafa

VAMOS MORAR NA IRLANDA!!!

Post intercâmbio – parte I

Bom, estamos há um tempo enrolando para contar isso aqui no blog, pois queríamos deixar tudo redondinho para poder dar as melhores dicas para vocês.

No post de hoje, vamos contar um pouco sobre nosso destino, o que nos motivou a escolhe-lo, se vamos com ou sem agência, quando iremos e etc etc etc …

Daqui exatos 34 dias, estaremos embarcando para a maior aventura de nossas vidas JUNTOS, serão 8 meses em um pais com uma cultura, comida e clima totalmente diferente do nosso.

A Irlanda é um pais que fica em uma ilha na Europa, é dividido por 26 condados. Iremos ficar na capital e maior cidade da Irlanda: Dublin.

Dublin fica na província de Leinster, na costa Leste do país. A temperatura média máxima de lá em janeiro é de 8ºc e a temperatura média máxima em julho é de 19ºc, ou seja faz bastaaaaaante frio. Fora que lá chove praticamente todos os dias.

Porque Irlanda?

irlanda-mare_8fc4s.T0

Eu e o Rafa temos gostos extremamente parecidos, a não ser por uma coisa: clima! Ele ama o calor e eu sou apaixonada pelo frio. E isso foi praticamente uma guerra na hora de escolhermos nosso destino.

Acabamos escolhendo Dublin porque o país permite que os estudante estrangeiros trabalhem meio período, tem um ótimo custo beneficio, não precisa tirar visto aqui no Brasil, dizem que o povo irlandês é muito gente boa e principalmente (o que mais contou na hora da escolha) é que é possível viajar por toda Europa por um valor muito baixo.

A agência:

Muitos dizem que é bobagem contratar uma agencia de intercambio, que é dinheiro jogado fora e blá blá blá…

E não vou mentir, nós também (até um momento) achávamos isso. Depois de visitarmos todas as agências de nossa cidade, conversarmos com agências da região, ver feedbacks de pessoas insatisfeitas, estávamos quase desistindo e tocando o barco sozinhos… até que recebemos uma recomendação de um amigo nosso que mora na Irlanda, sobre uma agência que é bem famosa por lá, a T2T. E não precisou de muito para percebemos que ela realmente fazia jus a sua fama. Fomos extremamente bem atendidos, sanaram todas nossas duvidas e ficamos muito satisfeitos com o trabalho prestado por eles.
Recomendamos com certeza!!!

Bom, por enquanto é isso!
Estamos extremamente felizes em poder compartilhar esse momento aqui no Rota a Dois.

fer e rafa